15 de abril de 2013

Olha o que eu Descobri


Nesse Jejum de Daniel que passou, eu aprendi muitas coisas sobre Deus. E também sobre mim.
Aprendi que não tem como eu conhecer a Deus de verdade se eu ainda não me conheço de verdade. Como assim?

É muito fácil, quando as pessoas que nos conhecem apontam nossos erros. Elas estão vendo por outro ângulo. Mas e quando nós não aceitamos isso? Quando alguém me mostra uma falha minha, e ao invés de parar e analisar sobre esse erro, eu simplesmente resolvo atacar. Isso só acontece quando não conhecemos a nós mesmos e para complementar, ainda nos justificamos com uma desculpa;

Na minha Igreja, a esposa tem feito com nós obreiras, os desafios da dona Nanda (40 dias para se tornar mais linda) e uma das tarefas, teríamos que pedir a uma pessoa mais próxima, que listassem os erros que elas veem em nós mas nós não vemos. Então pedi a pessoa mais crítica e sincera que existe ao meu redor – meu pai. J

Nunca vi tanta sinceridade!!! Kkkk

Mas me ajudou muito, as coisas que ele listou, a meu ver nem de longe incomodavam, mas eu estava enganada. A lista era pequena graças a Deus rsrsrs, mas eu consegui encarar numa boa! E agora eu passei a analisar, e sempre que estou prestes a fazer alguma coisa daquela bendita listinha eu já ligo o “alerta”.

E somado a isso, eu li no blog da dna. Vivi Freitas sobre nós conhecermos a nós mesmas e ser transparentes com Deus e corri para fazer outra lista com aquelas coisinhas que entristecem o Espírito Santo. Coisas bobas, mas que sabemos não ser bom; Acho que já deu para perceber que eu adoro listinhas, rs. (Elas nos revelam muitas coisas). Então fiz a minha lista, e apareceu bastante coisa até; e eu cheguei a uma conclusão: Por mais que a gente mude um tanto, sempre teremos outro tanto para mudar. Não conseguiremos nunca chegar à perfeição, mas conseguiremos ser aquilo que Deus espera de nós. Eu acredito que cada um saiba o que Deus espera de si – Ele mesmo fala com a gente! Não sei você ouve, mas Ele fala.

E quando aceitamos que precisamos mudar mesmo que sejamos uma “boa pessoa”, passamos a conhecer a nós mesmas. E isso é fundamental para que Deus venha agir em nós. Geralmente, essa “mudança” é nas pequenas coisas do dia a dia que passa batido e você nem percebe. Pare, pense e analise pra você ver.... o Espírito Santo vai mostrar o que entristece Ele. Se você quiser, use a minha tática. Aproveite que o dia ainda está começando, separe uma folha e deixe-a ao seu lado ou no seu bolso. Quando acontecer uma situação, veja como você irá reagir – você saberá se agradou ou se entristeceu o Espírito Santo. Se entristeceu anote o que foi. Faça isso até a hora que for orar para dormir. E ore a Deus pedindo perdão e peça a Ele força para não mais fazer as coisas que você fez.

A partir disso, você irá começar a ser totalmente dependente de Deus. Como disse a dona Vivi “Para se conhecer, tem que vigiar; para vigiar, tem que se preocupar com a sua salvação!”
E quando se fala em Salvação minha amiga, vale tudo. E tudo se torna superimportante, principalmente as pequenas coisas.

Eu poderia listar aqui alguns exemplos, mas não será necessário. Se você levar a sério esse assunto, o próprio Deus vai mostrar a você.

Ficai atentos  Emoji







Nenhum comentário:

Postar um comentário