26 de janeiro de 2013

Vigília do Espírito Santo



Porque os que se inclinam para a carne cogitam das coisas da carne; mas os que se inclinam para o Espírito, das coisas do Espírito. Porque o pendor da carne dá para a morte, mas o do Espírito, para a vida e paz. 

Romanos 8:5-6




Esse foi o tema principal da vigília do Espírito Santo realizada ontem na Catedral da Fé em Curitiba, pelo Bispo Wagner Negrão. Muitas pessoas acham que as coisas da carne são apenas os pecados maiores. Traição, mentiras, adultério, prostituição, mágoa, sentimento fazem parte do pacote sim. Mas às vezes muitos de nós estamos em pecado e não sabemos. Às vezes muitos se esfriam na fé, sem mesmo estar “pecando”. Está firme na igreja, mas não está firme em Deus. Para perder a salvação estando dentro da igreja é muito fácil, porém nem sempre nos atentamos aos detalhes.

O Bispo enfatizou muito a palavra carne citado no versículo de Romanos. Quando estamos em dúvida, estamos cogitando das coisas da carne. Quando temos medo, também. Quando ficamos com ressentimento ou mágoa de alguém, cogitamos das coisas da carne; quando agimos no sentimento, fazemos ou deixamos de fazer alguma coisa pelo que estamos sentindo, também cogitamos das coisas da carne. Quando as coisas terrenas tem ocupado a maior parte dos nossos pensamentos, cogitamos das coisas da carne. Por várias vezes durante a vigília, o Bispo perguntou o que tem passado em nossos pensamentos. Se estivermos mais preocupados com as coisas da terra do que com as coisas do Espírito, estamos caminhando para a morte, e o pior, a morte eterna.

Quanto mais ficamos voltados para as coisas da carne, mais estamos alimentando o diabo; sendo assim, mais forte ele fica e mais fraco nós ficamos. E ele mesmo se encarrega de enviar uma grande luta para que venhamos esfriar e cair. O diabo não quer tirar nossas conquistas, isso não é interessante pra ele – claro que é do feitio dele, o sofrimento, ele tem prazer em ver o sofrimento humano. Mas o objetivo dele maior é nos levar a morte. E a morte eterna.

O que Deus quer nós, é o que já estava previsto por Ele, quando fez o mundo. Que pudéssemos viver pra sempre com Ele no Reino de Deus. Mas devido à falha humana, estamos aqui nesse mundo, sujeitas a todo tipo de desgraça, vulneráveis ao inferno. Não escolhemos nascer, mas graças a Deus temos o direito de escolher onde viver a eternidade. Você já parou por um minuto para pensar na eternidade? O que é eternidade? Ela pode ser maravilhosa se fizermos a escolha certa aqui e agora. Mas pode ser insuportável, se estivermos na carne hoje; aqueles que morrerem sem o Senhor Jesus terá sua consciência no inferno. Poderá lembrar de todas as oportunidades que teve de se converter e não o fez. O arrependimento será eterno e nada poderá ser feito quanto a isso. A pessoa que não for salva vai ver aqueles que foram, como o Rico que viu Lázaro no seio de Abraão (Lucas 16:23). Já os salvos não, estes não terão sua consciência – estes não terão paz se verem que o seu familiar ou alguém por quem lutou a vida inteira, não se salvou.

Portanto, é hora de analisar o que tem passado no seu pensamento. O que você tem cogitado*? Você tem caminhado para a vida ou para a morte. Lembre-se, o diabo não precisa de muito pra fazer você cair. Só uma brechinha bem pequena já basta pra ele. Essa brecha pode ser um sopro, de um mal pensamento. E se você alimentar isso, ele fica forte. E ainda dá risada de você.

Aprenda a espantar pensamentos. Eles virão. Somos humanos, mas não precisamos conviver com eles. Se alguém te ofender ou magoar, lembre que a pessoa é humana cheia de falhas. Às vezes essa pessoa até é de Deus, mas quem nunca errou? Você vai deixar com que essa sujeirinha atrapalhe o que te espera na eternidade? E se a pessoa que te magoar for usada pelo diabo, aí sim é que deve ser ignorado.

O preço que temos que pagar pela eternidade, aqui na terra não é nada. Quem acha que vencer a carne é difícil, ainda não se deu conta do que é  a eternidade.

Reflita nisso e se salve hoje ainda. Ou você sabe o dia que vai morrer?

Na fé,
Josi Rocha
blog.josirocha@r7.com


*Cogitar = Refletir, Pensar, Imaginar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário