21 de setembro de 2012

O Poder da Oração



Depois que Jó orou por seus amigos, o Senhor o tornou novamente próspero e lhe deu em dobro tudo o que tinha antes.  Jo 42,10


Para a pessoa que é serva de Deus, nada lhe é mais gratificante do que ganhar uma alma para Jesus.  Quando iniciamos nosso ministério, esse é um dos nossos maiores anseios; ser usada por Deus para ajudar as pessoas. Eu já fiz muito isso, e realmente é maravilhoso... Não dá para conter as lágrimas quando essa pessoa desce as águas, é o maior presente que podemos dar a Deus, eu creio nisso!

Mas acontece, que de vez em quando somos levadas pelas circunstâncias...

Uns são levados pelos sonhos, pelas conquistas pessoais, se voltando para suas próprias vidas; outros são levados pela ansiedade da vida sentimental – que diga-se de passagem, é muuuito complicado, sim – há aqueles que são levados pelas dúvidas que pairam as vezes, enfim existem muitas circunstâncias que fazem o servo deixar de servir. Aliás, esse é um trabalho do diabo. Fazer com que nós venhamos desviar o foco do bem mais valioso de Deus. As Almas.
Portanto, queria destacar nesse texto que esses tipos de situações sempre vão existir, fazendo-nos sentir fracas. Mas você vai olhar pra dentro de si e vai ver que não está fraca, você até está bem...mas existe alguma coisa dentro de você que não está legal. Você não sabe explicar ao certo o que é. Parece um vazio, mesmo depois da Busca. Quanto mais você ora pra Deus mudar, pior fica. Sua oração não passa do teto. Você toma a Santa Ceia, mas volta pra casa ainda com aquele ruinzinho dentro de você.

Pois é, eu também já passei por isso.

Posso dizer com todas as letras, que quando você mudar o sentido de sua oração você vai se sentir melhor! Sim, sentir. Ao invés de ficar pedindo por você, que está bem, está salva, tem o Espírito Santo, ore pelos aflitos. Ore pelos perdidos, pelos caídos, fracos, abatidos. Salve. Ganhe almas. Fale de Jesus. Evangelize. Leve uma pessoa na Igreja. Dê um livro, um jornal. Sirva para aquilo que Deus te chamou.

Comece a analisar suas prioridades. Se você realmente quer ser útil pra Deus, não dependa de ninguém. Basta você tomar uma atitude. Pare de dizer pra Deus o que você quer fazer, simplesmente faça. Coloque a mão na massa. Apenas peça a Deus que te dê condições, se você não tiver. Peça que te dê coragem pra abrir a boca e peça que Ele guie teus passos para que te leve aos caminhos onde se encontram os perdidos. (Você vai ver que não precisará ir muito longe)

Não tem segredo! Você não está mal com Deus, apenas não está cumprindo o que você prometeu. Não está honrando aquilo que lhe foi confiado. Se você está assim agora, aproveite esse Espírito, vá a um lugar reservado e comece já (AGORA) a orar por todas as pessoas que você conhece que precisa de ajuda!

Use a sua fé prática e assim como Deus fez com Jó, se fará contigo!

Na fé,
Josi Rocha =)






Um comentário:

  1. isso foi pra mim, muito obrigada
    que Deus te abençoe!

    ResponderExcluir