4 de fevereiro de 2011

A Força de Sansão


Terminou essa semana na TV Record, a minissérie Sansão e Dalila. E podemos destacar que muitas coisas aprendemos.
A principal delas, no meu ponto de vista, é jamais confiar no coração. Pois acredito que só um motivo levou Sansão à queda. O Sentimento.
Sansão primeiro se apaixona por uma mulher do povo inimigo, e indo contra os conselhos da mãe, é traído por ela. Sempre levado pelo próprio sentimento, podemos ver que força nenhuma se sobressai a "força do coração". Exceto claro, quando esse coração não é mais nosso. E sim, de Deus.
Mais tarde, já viúvo ele novamente se deixa ser envolvido por Dalila, acreditando ser ela a mulher de sua vida. E dessa vez, sua tristeza foi ainda maior, tristeza é pouco, podemos dizer, derrota mesmo.
Sansão era um homem muito forte, sua força era incomum entre os homens (Leia Juízes 14). Tinha tudo pra vencer, pra fazer diferente a sua história, mas foi enganado pelo seu coração.
Eu costumo dizer para as pessoas que oriento em relação a sentimentos, que se desfaçam do seu próprio coração. Porque ele nos leva ao inferno. Acreditamos que Sansão foi salvo, pois teve a sua força novamente e derrotou nem sei quantos mil homens, ele realmente fez a diferença, mas pra isso teve que morrer. E ainda perder a visão.
Essa história de Sansão nos mostra muitas coisas, cada um tem um entendimento diferente a respeito, para cada um, uma lição. Pra mim foi muito claro, e exatamente como eu sempre costumo dizer - não confie no coração nem se deixe levar pelo sentimento -
Temos que fazer história e vencer sim, mas com vida. Para que o nome do Senhor seja glorificado através das nossas vitórias. Não seja como Sansão, já temos o exemplo dele. E já basta!

“Enganoso é o coração, mais do que todas as cousas, e desesperadamente corrupto, quem o conhecerá"? Jeremias 17.9

Na fé
Josi Rocha

Nenhum comentário:

Postar um comentário